Archive for março \10\UTC 2010

h1

Cuidado com o prato que você come…

10 de março de 2010

Olá pessoal,

Quando a gente toma uma decisão e não quer mais voltar atrás, Satanás fica desesperado.  Essa semana aconteceu algo comigo que eu realmente não esperava.  Há algum tempo, eu demorei prá recusar um prato servido por Satanás, mas há alguns meses, eu decidi não mais provar disso. E algumas vezes essas decisões não são fáceis.

O que quero compartilhar aqui é sobre os pratos  servidos por Satanás. Veja bem: quando Deus mandou Moisés avisar à Faraó que era para libertar o povo,  Faraó ofereceu ao povo sua permanência de várias formas. Ele queria que o povo continuasse sendo escravo no Egito, e para isso, tentou de várias maneiras a mesma coisa. Quando Jesus foi tentado no deserto, Satanás ofereceu-lhe o pecado de formas diferente, sabendo que o pecado geraria morte.  Quando a serpente ofereceu o fruto proibido à Eva, ele ofereceu de maneiras diferentes, até que ela acreditasse na forma mais bonita que prato lhe parecesse; e isso nada mais era do que a morte.

Vamos “Re-Pensar” o que Jesus diz em sua palavra? Em João 6:48, Jesus disse: “Eu sou o pão da vida” E nos versículos seguintes, ele continua dizendo: “Este é o pão que desceu do céu; se alguém dele comer, viverá eternamente;  (…) pois a minha carne é verdadeira comida, e o meu sangue é verdadeira bebida (…) quem de mim se alimenta, por mim também viverá.”  Jesus dá ênfase sobre a verdadeira comida, aquilo que nos dará sustento. Comer o que vem d’Ele nos dará vida.

Que você possa estar atento aos pratos que te estão sendo servidos, meu irmão. E lembre-se sempre de que “quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus” (I Coríntios 10:31).Não se deixe ser enganado com os belos pratos de Satanás. Eles com certeza lhe trarão pecado. E o pecado te levará à morte.Esteja firme contra Satanás. Pense muito bem antes de fazer sua escolha.  Pense na proposta do Senhor, pois o prato que você escolher, colocará em jogo seu futuro e toda sua descendência: “Os céus e a terra tomo hoje por testemunhas contra vós, de que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe pois a vida, para que vivas, tu e a tua descendência.” (Deuteronômio 30 : 19)

“Se quiserdes, e me ouvirdes, comereis o melhor desta Terra” (Isaías 1:19)

Segue um vídeo do Diante do Trono.

Com carinho,

Carol

Anúncios
h1

Amizades

8 de março de 2010

“Porque Deus me é testemunha das saudades que de todos vós tenho…” (Filipenses 1:8)

Ai gente… Não sei nem como começar a escrever aqui. Queria expressar em palavras a minha alegria hoje, mas será impossível.  Posso imaginar o que Paulo estava sentindo quando escreveu este versículo na carta aos Filipenses. Saudades de amigos que estavam longe. E era o que eu estava sentindo.

Aconteceu o seguinte: no final de ano orei pedindo a Deus prá me reaproximar de amigos antigos, de infância que foram se distanciando com o tempo. Eu senti que eu precisava colocar “adubo” na semente de amizade plantada há tantos anos atrás. Apesar de sentir essa necessidade, achei que seria impossível de recuperar amizades depois de tantos anos.

Um dia, do nada, me veio um número de telefone na cabeça e lembrei que era de uma amiga de infância (a Isabele). Resolvi ligar prá ver se ainda era o mesmo. E não é que era? A gente conversou muito, ficamos felizes em nos falar e combinamos de nos encontrar. Dias depois, recebi uma carta de uma amiga que eu não falava há mais de 10 anos: a Iana. Ela tinha achado umas cartinhas que eu tinha escrito prá ela na época de escola e resolveu tentar me mandar a carta. Olha Deus agindo, gente!

Hoje, finalmente, conseguimos nos falar por telefone. E foram quase três horas tentando colocar em dia as coisas que nos aconteceram há 10 anos atrás. Como foram preciosos aqueles momentos… Rimos muito, conversamos sério, compartilhamos muitas coisas. Como é bom saber que tem alguém que lembra da gente. Depois que desliguei o telefone, achei mais uma amiga dos tempos de escola no orkut – a Ludmila.  E por “Jesuscidência” ela estava on line. Conversamos e compartilhamos algumas coisas também. E não é que ela também tinha achado umas cartinhas minha dos tempos de escola? Eu e essa mania de ficar escrevendo! (Gente… que mistério esse negócio de cartas, hein?) E ainda teve a Aline, uma amiga de pouco tempo que foi embora prá outro estado e que me disse nessa semana que está voltando prá BH. Deus é bom!!!

Confesso que sempre tive dificuldades em me relacionar com pessoas  e acabava colocando a culpa em Deus. Mas depois que fiz a oração pedindo Deus prá trazer de volta os amigos que eu não cuidei, que tirasse os falsos amigos e que me desse novas amizades, Deus agiu. Conheci amigas novas – Cynthia, Edilaine, Gizelli, Dri, Sabrina, Lílian,Liz, Claudinha, Roberta – e amigos novos como o Marquinhos, o Ângelo, o Sandro; pessoas que estou aprendendo a amar. Sem contar as amizades que eu já tinha (preciso citar o nome da Patrícia e do Derson, Marly e Cleber) e o pessoal da célula, que eu ainda estou conhecendo. Bom demais! Peço a todos que me conhecem que não citei o nome que não fiquem bravos comigo, hein?!

Eu não sei se você tem pessoas que você perdeu o contato, mas quero encorajá-lo a fazer o mesmo. Ore e peça a Deus que te mostre e que traga de volta os amigos que Ele te deu. Essa também é a vontade de Deus prá nós , “porque o Filho do homem (JESUS) veio buscar e salvar o que se havia perdido” (Lucas 19:10); inclusive nossos velhos amigos. E que possamos viver a promessa de que “Ele nos restituirá os anos que comeu o gafanhoto.” (Joel 2:25)

Precisamos cuidar de tudo o que Deus nos dá com amor. “Re-Pense” nisso!

Carol

h1

Recomeçando…

3 de março de 2010

Oi gente!

Olha, não podia deixar de escrever aqui hoje.

Ontem fui ao culto do Pr. André Valadão e foi tremendo! A unção total. Mas eu gostaria de compartilhar hoje com vocês um pouco do que foi falado lá.

O Pastor Patrick, um garoto de 22 anos, pregou sobre várias coisas, mas o texto base foi Romanos 8:37 que diz: “Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores(…)” Ele falou que temos que nos levantar, vencer a nós mesmos e recomeçar. Pensei muito nisso, e meditando em uma passagem também citada no culto, queria “Re-pensar” nela com vocês.

Em Lucas 5:1-11, a bíblia relata a história da pesca maravilhosa. Pedro, Tiago e João estavam na beira da praia lavando suas redes. Eles estavam desistindo da pescaria, pois trabalharam a noite toda e nada apanharam. Mas Jesus, chegando-se à Pedro, mandou que jogasse a rede novamente. Pedro, apesar de não acreditar que teria bons resultados, obedeceu ao mestre, e para sua surpresa, apanhou grande quantidade de peixes a ponto das redes se resgarem. Pedro precisou da ajuda dos seus companheiros, que estavam em outro barco. Eram tantos peixes, que os barcos quase foram à pique. Em seguida, Jesus os chama para segui-lo; “e arrastando eles os barcos sobre a praia, deixando tudo, o seguiram.” (Lc 5:11)

Olha que interessante: quando Jesus encontra com aqueles três homens, eles deviam estar cansados, chateados, frustrados, querendo desistir e preocupados porque não haviam pescado nada durante todo a madrugada. Quem nunca se sentiu assim? Às vezes parece que as coisas não vão mais dar certo prá gente. Mas Jesus incentiva-os a tentar mais uma vez. Ele é o nosso grande incentivador. Mas observe: Pedro, Tiago e João eram sócios. Eles tinham uma firma, um empreendimento. E eles estavam passando por uma crise no seu negócio. Jesus mostrou-lhes que precisavam tentar novamente; e a bênção foi tamanha, que rasgou as redes e quase não puderam carregar em dois barcos a quantidade de peixes.Isso mesmo: em dois barcos.

Mas o que mais me inpressiona é que na melhor hora, no melhor momento, na maior pesca já feita por aqueles sócios, no momento em que eles teriam o maior lucro, que a empresa ia crescer, desenvolver, Jesus os chama para deixarem tudo. Já pensou? Deixar tudo quando tudo parece ser o melhor?  Talvez você pensou ter conseguido o melhor até agora, e Jesus te pede para deixar tudo e segui-lo. E agora?

Mas o que Jesus acabara de fazer foi ensinar a Pedro, Tiago e João, que sempre há um Recomeço. E ali estavam os três, dispostos a largar tudo e começar novamente.  Talvez estivessem com medo, ou ansiosos. Assim como acontece conosco quando pensamos no futuro. Mas eles tinham uma certeza: de que “em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por meio daquele que nos amou.” (Romanos 8 : 37)

Que você possa ser como Pedro, Tiago e João, que escolheram recomeçar. Prepare-se para os recomeços com Jesus na certeza de que você será mais, muito mais que vencedor!

Com carinho,

Carol